Procura leitura para o seu fim de semana?

Siga os links e fique a saber o que os(as) Fulbrighters escreveram, disseram ou fizeram ao longo dos últimos dias.

Francisco Ferreira, mestre em Engenharia do Ambiente pela Virginia Polytechnic Institute and State University, Blacksburg, EUA, doutor pela Universidade Nova de Lisboa onde também é Professor na Faculdade de Ciências e Tecnologia,  entrevistado pela TSF, disse que o primeiro esboço do que irá ser o acordo final da COP26 é o reflexo de uma “oportunidade perdida”: «A perspetiva deste documento geral é que não estamos a conseguir fazer o suficiente.». O que lhe parece?

Raquel Vaz-Pinto, SUSI scholar em Bard College, EUA, e Investigadora do Instituto Português de Relações Internacionais-Universidade Nova, foi uma das convidadas do último programa “Fronteiras XXI”, para debater a influência da China no Mundo: «Quais são as ambições geopolíticas desta superpotência? Poderão as suas crescentes necessidades por recursos naturais ser uma ameaça à paz mundial?». Vai a tempo de ver o programa gravado, aqui.

André Carvalho, mestre em Jazz Performance pela Manhattan School of Music, EUA, Baixista e Compositor, tem um novo álbum e fez-nos chegar uma cópia do seu Lost in Translation: «is inspired by untranslatable words such as Karelu (Tulu word for the mark left on the skin by wearing something tight) and Mångata (Swedish word for the road like reflection of the moon in the water.)». Muito obrigada, André, pela gentileza. E, mais uma vez, Parabéns! The album is out and available for everyone!

Joana Craveiro, visiting scholar researcher em Rutgers University, EUA, e Professora na Escola Superior de Artes e Design das Caldas da Rainha, estreou-se na realização com o filme “Elas também estiveram lá”, no âmbito do “Festival Olhares do Mediterrâneo, Women’s Film Festival”: «o filme é documental porque parte de materiais como fotografias, imagens, histórias orais e é contado de forma não linear, nem 100% factual.». Ficou curiosa(o)?

Carlos Geraldes, visiting scholar researcher na University of Texas, Richardson, EUA, e Professor Emérito que Química e Bioquímica da Universidade de Coimbra, tem agora publicado um novo artigo, resultado da sua estadia na The University of Texas Southwestern Medical Center, TX, EUA, ao abrigo de uma Bolsa Fulbright para Professores e Investigadores Doutorados: «Detection of glucose-derived D- and L-lactate in cancer cells by the use of a chiral NMR shift reagent». Em open access!

Patrícia Martins Marcos, Mestre em Public Policy pela Oregon State University e Ph.D. candidate no departamento de História da University of California, San Diego, EUA,  apresentou a palestra “Perfect and Without Defect: Reproductive Futurity, Disciplining Desire, and the Body as Destiny“, no âmbito do ‘Symposium on Gender, History, and Sexuality’, Department of History, The University of Texas at Austin. Saiba mais, aqui.

Ana Luísa Amaral, visiting scholar researcher na Brown University, EUA, Professora da Faculdade de Letras da Universidade do Porto, Poetisa e Tradutora, ganhou o Premio Reina Sofía de Poesía Iberoamericana 2021 e recebeu agora, no início do mês de novembro, o galardão pelas mãos da monarca espanhola. Trata-se da distinção mais importante atribuída a autores de língua espanhola e portuguesa: «Devíamos arranjar uma forma qualquer de criar laços uns com os outros e a Poesia é precisamente o antídoto do ódio…». A Comissão Fulbright felicita-a mais uma vez. Veja a notícia e a entrega do prémio à Poeta e Fulbrighter, que emoção!

Partilhar: